Aprendemos que as abelhas são insetos muito benéfico, mas em meados do século passado, havia abelhas, que são muito agressivas e suas picadas, as pessoas morrem. E foi isso que aconteceu. Em 1956, um cientista Warwick Kerr sobre as instruções da abelha brasileira, introduzida a abelha Africano para fins científicos. Ele queria trazer uma abelha, que teria sido mais diligente, e que produzem mais mel. De fato, as abelhas Africano produziram mais mel, mas eles são muito agressivos. Os cientistas conseguiram trazer uma nova raça de abelhas que receberam mel a cinqüenta por cento mais do que as abelhas européias, mas a nova geração são muito agressivos. E quando as famílias de abelhas várias passou a ser em grande, eles começaram a proliferar activamente. Capturando um novo território. Essas abelhas estão atacando seres humanos, não só os animais, mas também. Então, no Brasil matou mais de duzentas pessoas, eo número de feridos ultrapassou centenas de milhares de pessoas. Hoje, essas abelhas se espalharam para o Brasil, América do Sul e teve de se mudar para os EUA. Para combater estes chelami criar unidades especiais. Espera-se que o agressor para parar no deserto, tentando misturar a raça com outra, a raça mais amante da paz das abelhas.